Ines Rosales

Inés Rosales, com mais de 100 anos de história, é especialista na confecção de confeitaria tradicional andaluza. Fabricam os seus produtos à mão e empregam ingredientes de qualidade premium, como azeite extra virgem.

Ver todos os Produtos

"Tortas" de azeite, segundo a receita tradicional que foi passada de geração em geração.

A história de Inés Rosales começou em 1910 numa cidade fora de Aljarafe, a poucos quilômetros de Sevilha, chamada Castilleja de la Cuesta. Inés Rosales começou a fazer bolos tradicionais chamados ‘tortas’ de azeite de oliva, usando a receita tradicional e milenar que foi transmitida de geração em geração.

Logo a fama cresceu, mas o forno da casa de Inés Rosales continuou pequeno para tantas encomendas. A Inés viu o potencial de seu produto. Ela alugou o forno na padaria da cidade e empregou viúvas locais para ajudar a fazer e vender as tortas de azeite. Com isso, Inés tornou-se uma das primeiras empresárias de seu tempo. Após esses dois movimentos estratégicos, os viajantes começaram a levar as tortas para as suas cidades natais, as tortas estenderam-se por toda a Espanha, dando origem às “Tortas Genuínas e Renomadas Azeite de Oliva de Inés Rosales”.

Após o boom económico dos anos da guerra civil espanhola e da emigração andaluza, o seu produto surge a torta de azeite em novos mercados. É nessa época que a Torta de Canela é adicionado ao portfólio de produtos.

Entre 1973 e 1985 existe um declínio do mercado em Espanha, com perdas económicas e conflitos trabalhistas. Além disso, Inés Rosales muda de nome em 1980, de “Casa Inés Rosales” para “Inés Rosales, SA.” Em 1983, a empresa perde a categoria familiar ao ser vendida para investidores externos, que têm projetos de curto prazo em andamento para obter retorno do investimento. O tamanho da empresa, o produto e o mercado são todos diferentes daquilo de que surgiram. Quatro áreas do negócio passam por mudanças: estruturação interna, tecnologia de produção, embalagens dos produtos e métodos de vendas – muitas mudanças em um período tão curto de tempo. Essas mudanças dão à empresa uma nova estrutura, introduzindo novas posições de liderança e conservando algumas das anteriores.

Segundo os investiores externos era-lhea impensável que a marca e produto de prestígio e reconhecido assentasse numa instalação que mais parecia o local de trabalho de um ferreiro do que uma fábrica de produtos alimentares. Quando o mês acabou, as vendas do período não cobriram todas as despesas. Algo precisava ser feito e rápido. A solução para salvar a situação, proposta por Juan Moreno, era simples: trabalho, muito trabalho, bom senso e economia de guerra.

Atualmente, Inés Rosales mal podia imaginar que as tortas de azeite se tornariam conhecidas em todo o mundo, sendo os EUA um dos maiores compradores de tortas de azeite. O mercado externo exigia novos sabores, por isso Inés Rosales ampliou sua oferta para incluir mais variedades de sabores.

Partilhar esta página

Subscreva a nossa newsletter

Receba todas as novidades e notícias do seu mundo de sabores de sempre!